Coerência temporal

Oi filha querida,

Continuando nosso estudo sobre os tempos verbais, vamos ver na prática como é fundamental que se mantenha uma coerência temporal numa narrativa… Traduzindo: como é importante que os verbos estejam sendo empregados nos tempos corretos, caso contrário não entendemos nada!

Leia o texto a seguir:

Fôramos acabar com essa folga

O negócio acontecerá num café. Teve uma porção de sujeitos, sentando nesse café, tomarão umas e outras. Houve brasileiros, portugueses, franceses, argelinos, alemães, o diabo.

De repente, um alemão forte pra cachorro levantasse e gritará que não veria homem pra ele ali dentro. Haverá a surpresa inicial, motivada pela provocação e logo um turco, tão forte como o alemão, levantava-se de lá e perguntasse:

— Isso ia comigo?

— Pudesse ser com você também — respondia o alemão.

Aí então o turco avançará para o alemão e levasse uma traulitada tão segura que caísse no chão. Vai daí o alemão repetira que não houvesse homem ali dentro pra ele. Queimar-se-á então um português que foi maior ainda do que o turco. Queimasse-se e não conversaria. Partirá para cima do alemão e não tinha outra sorte. Levaria um murro debaixo dos queixos e caísse sem sentidos.

Responda com sinceridade: o que você achou do texto? Está, no mínimo, muito estranho e confuso. Não está coerente…

O que eu fiz? A partir de um texto existente e eu apenas troquei os tempos verbais originalmente empregados. O resultado foi um texto sem sentido e sem coerência.

Veja o texto original: Vamos acabar com esta folga, de Stanislaw Ponte Preta. Bem melhor, não é mesmo? E eu apenas mudei os tempos verbais! Fica então evidente a importância do uso correto dos tempos e modos verbais.


Exercício

Faça um texto narrativo (conte uma história) em que exista elementos do passado, do presente e do futuro, todos bem encadeados. Uma sugestão: narre quais eram as brincadeiras que você gostava de fazer quando criança; quais as que você faz agora; e por qual tipo de atividade você acredita que vai se interessar no futuro. Um texto de no mínimo 10 linhas.

Beijo do pai!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s