Revolta Túpac Amaru

Oi filha,

Como vimos, o sistema colonial hispânico na América foi marcado por extrema violência, com eliminação de parte significativa das populações indígenas. Mas mesmo esse processo não foi capaz de eliminar as resistências da população nativa frente ao colonizador espanhol.


Origens

No século XVIII, as idéias iluministas viriam a potencializar a relação conflituosa entre nativos e espanhóis.

Devemos ainda ressaltar que nem toda a população indígena era contra a dominação espanhola. Havia aqueles que tinham vantagens nesse processo.

Por exemplo, algumas lideranças indígenas, chamadas de caciques ou curacas, estabeleciam acordos com os espanhóis, de modo garantir a dominação sobre determinada população nativa.

Em troca desse apoio ao colonizador, o curaca recebia parte dos impostos arrecadados ou a isenção da obrigação de trabalhar para os espanhóis.

Com essa estratégia, os colonizadores mantinham a dominação colonial sem precisar empreender desgastantes lutas com as lideranças indíganas locais.


A revolta

No ano de 1780, um líder curaca chamado José Gabriel Condorcanqui se antagonizou frente aos interesses das elites metropolitanas.

Dizendo-se descendente do líder inca Túpac Amaru, que resistiu à dominação espanhola na América, Condorcanqui liderou uma enorme revolta indígena no Peru.

Apesar de ser indígena, Condorcanqui estudou na Universidade de São Marcos (Lima, Peru) e lá tomou contato com a história de Túpac Amaru e também com ideais do pensamento iluminista.

tupac_amaru_ii_oleo
Túpac Amaru antes de assumir sua identidade indígena.

Assim inspirado, Condorcanqui mudou seu nome para Túpac Amaru II e organizou um movimento de emancipação que contou com o apoio da elite criolla.

A rebelião iniciou-se com a execução de um dos chefes espanhóis da administração colonial. Em pouco tempo, milhares de mestiços, indígenas, escravos e colonos empobrecidos decidiram não mais obedecer à Coroa Espanhola.

A disseminação dos ideais da rebelião Túpac Amaru representava uma ameaça aos interesses das elites criollas. Dessa forma, o movimento terminou por perder sua capacidade de articulação política e se desintegrou.

Túpac Amaru II foi preso, julgado e condenado pelas autoridades da Coroa Espanhola. Para servir como exemplo para as populações locais, Túpac Amaru teve a língua cortada e teve seu corpo arrastado por uma tropa de cavalos.

Estima-se que mais de 80 mil nativos e mestiços tenham morrido, ao lado de mais de 10 mil espanhóis e criollos.

tupacamaruii
Túpac Amaru como líder da revolta indígena.

Curiosidade

Os espanhóis, ao contrário dos portugueses, criaram diversas universidades nas colônias. Para que você tenha ideia, a primeira universidade em solo americano foi criada em 1551, em Lima, no Peru. De 1551 a 1812, os espanhóis fundaram 30 universidade na América.

A primeira faculdade no Brasil foi criada em 1827 (Faculdade de Direito do Largo de São Francisco) e a primeira universidade, a UFPR, apenas em 1912 (361 anos depois da primeira universidade na América).

Beijo do pai!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s