Fecundação e nidação

Oi filha querida,

Já vimos como são os sistemas reprodutivos humanos e como o corpo da mulher se prepara para a fecundação. Agora vamos conversar sobre a fecundação propriamente dita.


Fecundação

A fecundação (ou fertilização) marca o início do desenvolvimento de todo ser humano. Quando o zigoto, que é uma célula com a capacidade de se dividir e se transformar em qualquer outra célula, se forma, se forma também um novo indivíduo.

O processo de fertilização é uma complexa sequëncia de eventos coordenados que tem início no exato instante do contato do espermatozoide com o ovócito e tem o fim com a produção do zigoto, fruto da união dos cromossomos maternos e paternos. Esse processo de formação do embrião unicelular dura de 24 a 36 horas.

56210a0bde6b0-como-ocorre-a-fecundacao-humana-large
Esquema do espermatozoide e do ovócito.

Há o risco de alterações inesperadas em qualquer estágio do processo, implicando na morte do zigoto.

,,


Fecundação: passo-a-passo

O processo de fertilização envolve as seguintes etapas, até que seja formado o zigoto:

Jornada dos espermatozoides até o ovócito

Na relação sexual, os espermatozoides são lançados dentro do corpo da mulher e começam uma verdadeira maratona até chegarem ao óvulo.

Os espermatozoides são atraídos por substâncias químicas liberadas pelo óvulo e nadam em busca dele. Além disso, substâncias presentes no sêmem estimulam as contrações do útero, auxiliando a chegada dos espermatozoides até a tuba uterina.

Milhares de espermatozoides morrem no caminho, uma vez que o ambiente vaginal é ácido e há células de defesa prontas para eliminar os “invasores”.

Penetração da zona pelúcida

Fase importante para o início da fertilização. Os espermatozoides “sobreviventes”, após alcancarem o ovócito, passam a lutar contra as barreiras para entrar no óvulo.

Enzimas liberadas pelo espermatozóide auxiliam no processo de rompimento das membranas do ovócito. No momento em que o primeiro espermatozoide atinge a membrana interna do ovócito, há reações químicas no ovócito que impedem a entrada de outros espermatozoides.

56167a213adcc-como-ocorre-a-fecundacao-humana-large
Penetração do espermatozoide no ovócito.

Fusão das membranas plasmáticas do ovócito e espermatozóide

As membranas plasmáticas do ovócito e do espermatozoide se unem e se rompem no exato lugar onde se uniram. A cabeça e a cauda do espermatozóide entram no ovócito, mas a membrana plasmática do espermatozóide fica de fora.

Formação do pronúcleo feminino

Quando o espermatozóide penetra o ovócito, ele faz com que o ovócito complete o processo de divisão celular chamado de segunda divisão meiótica. Isso resulta num ovócito maduro e no agrupamento dos cromossomos maternos. Assim, o núcleo maduro do ovócito evolui para um pronúcleo feminino.

Formação do pronúcleo masculino

O núcleo do espermatozoide aumenta no interior do citoplasma do ovócito, de forma a compor o pronúcleo masculino, enquanto que a cauda sofre degeneração.

Formação do zigoto

Os pronúcleos feminino e masculino se unem, formando o zigoto. O zigoto sofre então sua primeira divisão celular, sendo uma estrutura geneticamente única, com metade dos seus cromossomos vinda da mãe e a outra metade, do pai. É essa combinação cromossômica que forma a base da herança biparental e da variação da espécie humana.

5620b203821bc-como-ocorre-a-fecundacao-humana-large
Clivagens do zigoto.

Nidação e formação do embrião

A partir da formação do zigoto é iniciado um processo de sucessivas divisões celulares, multiplicando a célula inicial em muitas outras células. São essas segmentações (ou clivagens) do zigoto que marcam o início do desenvolvimento embrionário. A primeira clivagem ocorre cerca de 24 horas após a fertilização, portanto no 2º dia após as relações sexuais.

Quando o zigoto chega a um estágio chamado de blastocisto, o embrião migra da tuba uterina para o útero e se implanta no endométrio.

Nidação é nome dado à implantação do embrião na parede uterina. Como o processo de deslocamento do embrião das trompas uterinas, onde ocorreu a fertilização, até o útero pode demorar cerca de 4 a 15 dias, a fixação do embrião ocorrerá ao longo desse intervalo. Quando o embrião encontra o endométrio, ele será envolvido por outras células do endométrio.

nidacao
Esquema da nidação.

Após a nidação, é iniciada a formação de diversas estruturas do embrião: placenta, cordão umbilical e saco amniótico. Após a 5° semana de gestação, a placenta começa a produzir estrógeno e progesterona de forma a manter o endométrio, em consequência, há a regressão do corpo amarelo.

Se houver implantação do blastocisto na parede do endométrio uterino (nidação), se iniciará a gravidez. Caso contrário ele será eliminado junto com a menstruação.

O vídeo a seguir ilustra, rapidamente, todo esse processo:

Beijo do pai

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s