O Iluminismo

Oi fillha querida,

Hoje vamos conversar sobre o Iluminismo, um importantíssimo movimento que influencia nossas sociedades até os dias de hoje.


O que é Iluminismo?

O Iluminismo foi um movimento intelectual que surgiu na França do século XVII e abrangia diversas áreas do conhecimento humano: filosofia, política, sociologia, economia e cultura. A característica fundamental do Iluminismo que permeava todas essas áreas de conhecimento era o emprego da razão como melhor caminho para se alcançar a liberdade, a autonomia e a emancipação.

Assim o Iluminismo fazia oposição à visão teocêntrica que dominava a Europa desde a Idade Média. Os filósofos iluministas diziam que sua nova filosofia tinha o propósito de iluminar as trevas em que se encontrava a sociedade.

Os iluministas sustentavam que o pensamento racional deveria substituir as crenças religiosas e o misticismo, os quais bloqueariam a evolução do homem. Assim, ao invés da religião, o homem é que passaria a ter papel central, bem como a busca de respostas racionais para questões que, até então, eram tratadas somente pela religião.

De acordo com os iluministas, a Idade Média seria um período de trevas, no qual o poder e o controle da Igreja dominavam quase todos os aspectos da cultura e da sociedade.

Os iluministas acreditavam que o homem possui um “direito natural” à felicidade e à sua busca.


Sociedade no Antigo Regime

No Antigo Regime, a sociedade era dividida em três estados (ou ordens ou estamentos):

  • Primeiro Estado: abrangia o clero (bispos, abades, padres, frades e monges);
  • Segundo Estado: representado pela nobreza e pela família real;
  • Terceiro Estado: abrangia todo o restante da sociedade (burguesia, trabalhadores urbanos e camponeses)

Neste modelo de sociedade, a burguesia não possuía liberdade de comércio que possibilitasse ampliar significativamente seus negócios. O fim do absolutismo, com o fim dos privilégios do clero e da nobreza possibilitaria essa expansão.


Críticas ao Antigo Regime e propostas do Iluminismo

O Iluminismo era crítico ao Antigo Regime em diversos aspectos, tais como:

  • Mercantilismo;
  • Absolutismo e estruturas feudais
  • Influência cultural da Igreja;

Como contraponto aos conceitos acima, o Iluminismo defendia:

  • Liberdade econômica, ou seja, sem a intervenção do Estado na economia;
  • Antropocentrismo, ou seja, o avanço da ciência e da razão;
  • Predomínio da burguesia e seus ideais.

Para os iluministas, o homem é naturalmente bom, sendo corrompido pela sociedade com o passar do tempo. Assim, segundo o Iluminismo, se todos fizessem parte de uma sociedade justa, com direitos iguais a todos, a felicidade comum seria alcançada.

Portanto, na busca dessa sociedade mais justa, os iluministas eram contra as imposições de caráter religioso, contra as práticas mercantilistas, contra o absolutismo, além de antagônicos aos privilégios da nobreza e do clero.

As leis das ciências naturais (Física, Química, Biologia) inspiraram os iluministas a defender a existência de verdades absolutas.

Assim, segundo esse pensamento, o homem, em seu estado originário, era dotado de valores que o deixavam naturalmente afeito à bondade e à igualdade. Foram as falhas no desenvolvimento das sociedades que teriam afastado o indivíduo das suas características originais. Esta forma de pensar colocava os filósofos iluministas em antagonismo com as estruturas do Antigo Regime.

O Iluminismo tinha, portanto, uma visão otimista do mundo e do homem e acreditava que o progresso seria inevitável a partir do momento em que o homem passasse a contar com o pleno uso de sua racionalidade.

Os iluministas acreditavam também que os direitos naturais, o respeito à diversidade de ideias e a justiça trariam melhorias à condição humana.

Com todo esse ideário, o iluminismo terminou por motivar as revoluções burguesas que causaram o fim do Antigo Regime e a instalação de doutrinas liberais.

ilumi
No salão de madame Geoffrin em 1755, de Charles Gabriel Lemonnier. Obra retrata reunião de filósofos iluministas.

Apoio da burguesia

Do ponto de vista político e econômico, a burgusia foi a principal interessada nessas novas ideias, já que, apesar do dinheiro que ela possuía, a burguesia praticamente não tinha poder político. No Antigo Regime, o rei detinha todos os poderes.

Outro elemento do Antigo Regime que prejudicava a burguesia eram as práticas mercantilistas, onde havia muita interferência dos governos nas questões econômicas.

Havia, portanto, um alinhamento entre as ideias do Iluminismo e os interesses da burguesia.


Consequências

O apogeu deste movimento aconteceu no século XVIII, que passou a ser conhecido como o Século das Luzes. A França foi onde o Iluminismo foi mais intenso, chegando a influenciar a Revolução Francesa com seu lema: liberdade, igualdade e fraternidade.

O Iluminismo também influenciou outros movimentos sociais como a independência das colônias inglesas na América do Norte e a Inconfidência Mineira.

Beijo do pai!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s