Mecenato

Oi filha,

Os mecenas foram ricos e poderosos comerciantes, príncipes, condes, bispos e banqueiros que financiavam e investiam na produção de arte e na geração de conhecimento como forma de conquistar reconhecimento e prestígio na sociedade.

Eles foram de fundamental importância para o desenvolvimento das artes plásticas, literatura, arquitetura e ciências durante o Renascimento (séculos XIV a XVI).

A burguesia, classe social que enriqueceu muito com o renascimento, viu no mecenato uma forma de alcançar o prestígio e o status de nobreza.

O ato de patrocinar e investir em arte e em cultura é conhecido como mecenato.

Principais mecenas do Renascimento:

  • Lourenço de Médici (banqueiro italiano);
  • Come de Médici (banqueiro e político italiano);
  • Galeazzo Maria Sforza (duque de Milão);
  • Francisco I (rei da França).
Michelangelo's_Pietà,_St_Peter's_Basilica_(1498–99)
Pietà de Michelangelo, que foi patrocinado, em seu início de carreira, por Lourenço de Médici.

Curiosidade

A palavra mecenas tem origem na Roma Antiga. No século I a.C, Caio Mecenas, um conselheiro do imperador romano Otávio Augusto, patrocinou os trabalhos de vários artistas e poetas.

Beijo do pai!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s